segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Meu Guri


Estou lendo “Meu Guri” do David Coimbra. Me rendi, o livro é ótimo. Digamos que eu gostaria de tê-lo escrito, mas coma visão materna. Quem sabe? Quando minha amiga Mara Job me recomendou, fiz bico e disse que não gostava do que o autor escrevia. Mas tem razão quem redigiu as orelhas do livro ao dizer que o filho transformou-o e que o assunto “paternidade” passou a ser o melhor assunto do David. Eu mesma já tinha constatado isso nas crônicas “pós-parto” do autor, antes mesmo de ter minha percepção confirmada por mais alguém nas orelhas do livro.
Dá para ver que o livro foi escrito com amor de pai, recém descoberto. É cheio de pequenas histórias que vão desde o espermograma, passam pela gravidez da mulher, o nascimento e a sequência de meses de vida do gurizinho. Têm algumas narrativas de chorar de tanto rir, como aquela em que a mulher inventa de fazer um book fotográfico nua e a que ele narra sua primeira troca de fraldas. Em compensação, também dá para se emocionar com o autor descobrindo o amor pelo filho quando de seu nascimento e ao falar da avó em seus últimos dias, comparando o amor da senhora pelo autor com aquele que ele sente pelo filho: incondicional. Ainda assim, basta um sorriso daquele pequeno ser para tudo ser recompensado.
A conclusão a que se chega é que qualquer ser humano, por mais insensível, não resiste a um bebê, não tem como não se apaixonar por um filho.

Eu escrevi aqui no blog, no início da gestação, que não queria me transformar numa chata que só fala de gravidez e não tem mais outro assunto. Sorry again! Tenho, novamente, que dar a mão à palmatória, pois, à medida que a barriga vai crescendo, é inevitável que uma hora a ficha caia, e a gente se dê conta que está diante do maior acontecimento da sua vida. Por isso, peço perdão aos que ainda não são pais ou mães e não entendem essa obsessão. É algo que não dá para explicar, é muita emoção, só vivendo! Mas prometo alternar os assuntos por aqui, na medida do possível.

4 comentários:

Claudia Bins (Cacau) disse...

OI,

Passei rapidinho so' para um beijinho... estou com saudades tbm!
Agora falta pouco! Volto cheia de novidades e feliz da vida com tanta coisa linda que vi!

Beijos,

Claudia

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Néctar da Flor oferece mais um selo para os amigos. Dessa vez é o Selo Criativo que entra na roda dessa nossa felicidade. Não existem regras, apenas levem mais um dengo nosso e deixem a originalidade do seu blog falar por si.



Beijos jogados no ar, sempre!


-

Ivana Marisa Altafin disse...

Oi Ângela,
Muito obrigado pela visita e continue acompanhando o Blog Fotos, Poesias e Emoções, sempre que puder. Você está vivendo um momento especial. Que a proteção divina esteja sempre presente na sua vida, principalmente nesse período precioso da sua vida.Prazer em conhecê-la!

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Você é um doce, Angela linda.

Beijo imenso.

Rebeca

-